6 de jul de 2016

O que é, e o que não é perdão.




GN 27.41 ÓDIO DE ESAÚ CONTRA JACÓ.
GN 28.19-22 VOTO DE JACÓ.
GN 31.13  DEUS APARECE PARA JACÓ E RELEMBRA SEU VOTO.
E manda voltar para sua parentela, pois precisava pedir e receber perdão.

PERDÃO= CANCELAR OU REMIR.




   Não é fácil perdoar, quanto maior é a intimidade daquele que peca contra nós, mais difícil é em perdoá-lo; observamos a história de Esaú e Jacó. Jacó com a ajuda de sua mãe, engana Isaque e Esaú e toma sua benção, não restando outra benção senão ser servo de seu irmão mais novo. Sem sombra de dúvidas o perdão é uma coisa muito difícil de se liberar, perdoar um desconhecido é mais fácil, mas quando se trata de uma pessoa íntima aí o buraco é mais embaixo. Em uma passagem bíblica Jesus pergunta qual é mais fácil? dizer a este paralítico perdoado estão os teus pecados, ou dizer levanta e anda? No meu ponto de vista Jesus fez primeiro o mais difícil, que é perdoar a ofensa do pecador, é muito fácil perdoar ou amar aqueles que não cometeu nenhuma ofensa contra nós, porém Jesus nos ensinou amai vossos inimigos, em outras palavras podemos dizer "perdoai aqueles que vos tem ofendido. Não é uma tarefa fácil porém é preciso.
   E se o pecador se arrepender? Como posso aprender a perdoar? Jesus contou uma parábola em Mt 18.23-35 Um devia10.000 talentos e foi perdoado pelo seu senhor,outro 100 dinheiros este era conservo do seu senhor, porém não foi perdoado pelo servo. Deus é o Senhor, eu e você é o servo e o o conservo é aquele que nos ofendeu da mesma maneira em que Deus tem perdoado as nossos ofensas, devemos perdoar todos os que nos tem ofendido. Devemos lembrar que nós mesmos somos pecadores e necessitamos do perdão Divino.

   A má vontade em perdoar nos retira o perdão Divino.  Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celestial vos perdoará a vós; Mt 6.14-15
 Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai vos não perdoará as vossas ofensas.
4. Perdão é condicional. E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.  2 Cr 7.14. Deus esta disposto a perdoar, porém para receber o perdão você precisa tomar algumas atitudes, observemos  que 1° Precisamos ter Deus como nosso Senhor, 2° Ser humilde, 3° Orar, 4° Buscar a face de Deus, 5° Se converter de seus maus caminhos. Toda ofensa tem perdão, ainda que julgamos ser muito grave, mas estas  atitudes precisa ser feita, não somente quando pecamos contra Deus, mas também quando pecamos contra o nosso próximo.
    O perdão só pode ser alcançado, quando há arrependimento. Olhai por vós mesmos. E, se teu irmão pecar contra ti, repreende-o e, se ele se arrepender, perdoa-lhe.
4 E, se pecar contra ti sete vezes no dia, e sete vezes no dia vier ter contigo, dizendo: Arrependo-me; perdoa-lhe.  Lc 17.3-4. Ainda que o pecador possa manter sua posição transgressor por causa da recusa de se arrepender, seu pecado não deverá dominar meu estado emocional.
   O perdão não é remoção das consequências temporais de nosso pecado. O perdão ele fala de misericórdia, mais não dever se confundido com a tolerância e permissão do pecado.O perdão Cessa de imputar a culpa da pessoa perdoada. Bem-aventurados aqueles cujas maldades são perdoadas,E cujos pecados são cobertos. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputa o pecado Rm 4.7-8
   Devemos que o pecador é um devedor espiritual .. O perdão é necessário para a cura espiritual da relação, mas precisamos preparar nossos corações para perdoa. Precisamos aceitar a injustiça do ferimento, a deslealdade do pecado e ficarmos prontos para perdoar. Exemplos JESUS LC 23.34  e ESTEVÃO AT 7.60
    A nova do evangelho é que Jesus pagou o preço por nossos pecados com sua morte na Cruz; quando nós lebrarmos da grandeza da dívida que Deus nos perdoou e ainda quer nos perdoar, certamente podemos perdoar aqueles que nos devem muito menos em comparação Ef 4.32 Antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.
Cl 3.13 Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também.
    Ao lermos a passagem em Jacó se encontra com seu irmão Esaú, nós iremos notar que foi um encontra de paz e não de guerra, pois há paz no coração quando por mais difícil que seja nós aprendemos a perdoar. Na verdade nós, os que não aprendemos a perdoar, somos os principais prejudicados, pois a mágoa e o rancor toma conta de nossa alma, aumentando cada dia uma ferida, ferida a qual só pode ser sarada através do perdão. Eu costumo dizer que a ofensa é uma ferida exposta e desprotegida, que ao menor toque ou colisão causa muita dor, mas o perdão é o remédio que faz aquela ferida cicatrizar e quando por maior que seja o toque ou colisão, isto não causa dor pois aquela ferida foi cicatrizada pelo perdão. Perdoar não é esquecer a ofensa, a ofensa sempre será lembrada, porém ela não trará mais dor.