7 de mai de 2016

Diversas são as formas de se fazer jejum

 
Alimento desejável não comi, nem carne nem vinho entraram na minha boca. Daniel 10.3. O jejum é uma abstenção de alimentos, seja sólido ou líquido, esta abstenção deve ter finalidades espirituais, senão passa a ser simplesmente uma greve de fome, ou dieta alimentar. Jamais deve ser feito o jejum para beneficiar a parte física, mas deve ser feito para beneficiar a parte espiritual do corpo.
   Diversas são as formas de se fazer jejum, vejamos:


  • Jejum parcial
  • Jejum somente com água
  • Jejum sobrenatural
  • Jejum congrenacional
  • Jejum regular
  O jejum é um mandamento? O jejum é uma obrigação cristã? Estas perguntas são bem interessantes a respeito do jejum. Todos temos uma coisa chamada de livre-arbítrio, que nos dá uma capacidade de fazer nossas escolhas, sem que sejamos manipulados por alguém ou alguma coisa, e este livre-arbítrio é que vem a questão, sou obrigado ou não a fazer jejuns, pelo nosso livre-arbítrio não somos obrigados a nada e isto também incluiu o jejum, porém como cristãos temos uma grande necessidade de se fazer um jejum, acredite o jejum envolve um sacrifício muito maior que ofertas em dinheiro.
   O propósito de nosso jejum precisa sempre está voltado para a prática no serviço de Deus, Nosso intenção em fazer jejum precisa está centralizada em agradar a Deus, e fazer a sua vontade, o jejum precisar ser uma ferramenta que nos auxilia na obra do Senhor, e nos coloca mais próximo de Jesus, aumentando nossa comunhão com nosso Senhor. Uma vez que estamos jejuando isto faz com que enfraquecemos nossa "carne" e fortalecemos nosso espírito. Porque fortalecer o espírito é importante? O evangelista João escreveu: Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.
     A decisão de se fazer um jejum e abandonar temporariamente as nossas "necessidades da carne" , é sem sombras de dúvidas um grande sacrifício de adoração que uma pessoa possa está oferecendo a Deus, portanto tenha esta prática de jejuar em sua vida, há muitos motivos que você pode encontrar para jejuar, mas jamais se esqueça do motivo principal de fazê-lo para agradar a Deus, e estar mais íntimo com o Senhor, para assim poder fazer com maior zelo sua obra e realizar sua vontade.