21 de jul de 2016

A Bíblia e o dinheiro


 Há muito tempo atrás, viveu um homem muito rico era um nobre possuía muitos empregados, porém ele estava fazendo aniversário e resolveu dar uma festa para os seus empregados; e avisou a criadagem, que, eles é que ganhariam os presentes. Então os empregados ficaram alvoroçados, felizes, e disseram: o patrão está fazendo aniversário, a festa será em nossa homenagem e ainda ganharemos os presentes. Então eles se arrumaram da melhor maneira possível, então compareceram ali o cocheiro, o jardineiro, a cozinheira, a arrumadeira, e um pequeno mensageiro.
     Aí o nobre se dirijiu solenimente a cada um deles e disse: Bem, como vocês já sabem, hoje é o meu aniversário; mas como eu teno tudo e não preciso de nada, eu decidir reverter a festa, eu quero presentear vocês. E os olhos dos empregados se arregalaram. Então o nobre levantou em uma mão um livro preto, em outra uma quantia em dinheiro, e disse aos seus empregados: Eum tenho em uma mão uma Bíblia, e na outra uma quantia em dinheiro, qual vocês preferem? Então o cocheiro respondeu: Bem! Eu sou cocheiro porque não aprendi a ler, então, a bíblia não significa muita coisa pra mim, por isso eu prefiro a minha parte em dinheiro, então o nobre entregou o dinheiro ao cocheiro,ele agradeceu. Obrigado! Então o nobre disse: Continue aí não saia agora, não!  Aí chegou a vez do jardineiro. O nobre perguntou qual você prefere, a bíblia ou o dinheiro? O jardineiro pensou um pouquinho, e disse assim: Olha! Em princípio eu aceitaria a bíblia, mas como a minha mulher anda muito doente, e eu estou precisando de dinheiro, então eu vou dispensar a bíblia e pegar o dinheiro; e assim foi feito. Então chegou a vez de perguntar para a cozinheira. A cozinheira até então já tinha preparada uma boa resposta; ela disse asiim: Olha patrão! Eu sei ler e também iria preferir a bíblia, acontece que eu não tenho tempo nem de ler uma revista, quanto mais ler um livro deste tamanho, portanto o dinheiro será muito útil, e com ele eu vou comprar um vestido novo. Disse o nobre: Tudo bem! Toma aqui o dinheiro.
   E assim ele foi perguntando para os empregados, a arrumadeira também preferiu o dinheiro, porque ela dizia eu já tehno uma bíblia, agora dinheiro está me faltando, eu prefiro o dinheiro. Até que chegou a vez do mensageiro, era um garotinho, ganhava uma salário mínimo, não tinha muitos recursos era criança pobre, então o nobre querendo fazer um teste, para saber qual seria sua escolha, ele disse: Estou vendo que você está descalço, e você obviamente vai preferir o dinheiro? Olha muito obrigado,pela sua preocupação, em  me oferecer o dinheiro, realmente eu preciso comprar um calçado novo, mas eu vou ficar com a bíblia, porque minha mãe me ensinou que a palavra de Deus é mais desejável do que ouro. O nobre ficou tão contente com aquela resposta, e sorrindo deu a bíblia para o menino. E quando ele recebeu aquele volume, ele abriu cuidadosamente e começaram a cair moedas de ouro, que estavam dentro daquela bíblia, tinha também notas em dinheiro de grande valor. E os empregados que estavam se assustaram e arregalaram vossos olhos, pois cada moeda que caia, tinha maior valor do que o dinheiro que eles tinham recebido, e não cessavam de cair moedas de ouro formando um tapete no chão. O menino ficou sem reação, sem saber o que fazer, o nobre disse: Parabéns pela sua decisão, realmente você escolheu a melhor parte porque não há nada mais valioso nesta terra do que a palavra de Deus ( bíblia ).