A unção e os ministérios




                       Ministério Sacerdotal, Real e Profético. 

   Entre os ministérios Sacerdotal e Real, destaca-se o ministério profético, pois esse se dava também sob a unção do Espírito Santo. Porém, os profetas não eram submetidos ao ritual da unção com óleo. Em referencia a eles é utilizada figurativamente a palavra ungir para designar a investidura no ministério profético, bem como o aspecto carismático da sua missão. (Is 61:1).



                                                      Ministério de Cristo

   Conforme as palavras do Apóstolo Pedro em Atos 10:38, “Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e poder...” O próprio Jesus referiu-se a sua unção, afirmando que nEle cumpriu a profecia de Isaias: “O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu...”(Lc 4:17-21). Esta passagem está colocada no inicio do ministério publico de Jesus e aponta as diretrizes de seu Ministério, que é orientado, inspirado, assistido e realizado sob a unção do Espírito Santo, que o envolve quando de seu batismo (Lc 3:21-22).


                       Ministérios de outros personagens bíblicos   
       
   A Bíblia fala, por exemplo, de Bezalel, artista qualificado por Deus através do Espírito Santo para a obra do tabernáculo (Êx 31:1-3). Também de Josué que em virtude do poder do Espírito em sua vida foi designado sucessor de Moisés (Nm 27:18-23). Faltaria tempo e espaço para falar também de Sansão (Jz 13:24-25), dos discípulos (At 2:4; 13:52), de Barnabé (At 11:24) e de muitos outros.



                                             Ministério da Igreja

   Deus separou obreiros segundo suas vocações para os referidos ministérios localizados em Ef 4:11, porém a unção do Espírito Santo vem dar legitimidade, confirmação e autoridade nesse ministério recebido da parte de Deus, a Unção é uma forma figurada de referir-se ao poder especial comunicado pelo Espírito Santo para a realização da obra de Deus. Trata-se de um revestimento que o servo de Deus recebe e do qual depende para realizar de maneira poderosa e eficaz a obra para a qual Deus o vocaciona.
1 Jo 2:20 “ E vós tendes a unção do Santo...” imagine o que o Apóstolo está dizendo, nós temos a unção que procede de Jesus, aquela mesma que estava sobre Jesus inerente a ele e seu ministério profético aleluia.






Vejamos Atos 10:38 e dividimos assim esse versículo:                     


   Unção com o Espírito Santo. Autoridade e delegação.
   Unção com virtude. Poder explosivo.
  Unção de libertação. Ministério Profético.
  Unção a glória de Deus. A presença de Deus.