887' type='text/javascript'/

14 de dez de 2016

Por que morremos?

 
Uma das mais duras verdades que chega em  nosso conhecimento, é saber que um dia iremos  morrer. Quando esta verdade absoluta chega, chegamos a pensar, por que o homem não é eterno? O que muitos não sabe, é que o ser humano não nasceu para morrer. A morte entrou na terra como uma intrusa. Deus ao criar a humanidade, não criou com a finalidade de um dia tirar sua vida. Todo ser humano possui três elementos essências para sua vida, ou seja, o homem é trino possui corpo, alma, e espírito. O corpo é a parte física e material, a alma é a parte intelectual, emocional e invisível do homem, já o espírito é o que liga o corpo e a alma, a terem uma ligação direta com Deus, quando este elementos se separam aí ocorre a morte, o espírito volta para Deus, o corpo volta para o pó, porém a alma é eterna e vai ser ela que vai prestar conta de tudo o que o homem realizou através do corpo, quer seja bem ou seja mal.
   O homem foi a criação mais perfeita de Deus. Ao dizer que o homem é a imagem e semelhança de Deus, é dizer que todas as coisas já criadas, não são tão especial quanto o homem que tem a identificação de seu criador.
   Ao criar o homem e dotá-lo de livre-arbítrio, ele deu uma escolha para homem  ele poderia escolher viver ou morrer; Deus disse: De todo o fruto que está no jardim podeis comer De toda a árvore do jardim comerás livremente,Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. Toda responsabilidade estava nos ombros do homem, ele para continuar vivendo era preciso obedecer as ordens de Deus.