Total de visualizações de página

Internacional da Graça de Deus


   A Igreja Internacional da Graça de Deus (IIGD) é um ministério brasileiro reconhecido pelo programa de televisão “Show da Fé”, apresentado pelo fundador da denominação, Missionário R. R. Soares.

   O livro “Curai enfermos, expulsai demônios”, do norte-americano T. L. Osborn, foi um marco na vida ministerial de R. R. Soares. Após sua leitura, o Missionário compreendeu – e passou a praticar – a doutrina da determinação. Através dela, a Igreja entende que não se deve pedir as bênçãos de Deus, mas reivindicá-las, uma vez que elas já foram dadas a toda a humanidade por meio da obra que Jesus realizou na cruz.

   A partir de então, bênçãos sem medidas começaram a alcançar o ministério da Igreja da Graça. Hoje, a  IIGD está presente em todo o Brasil e em países como Estados Unidos, Portugal, Índia, África do Sul e Japão, levando a Palavra de Deus e pregando a salvação.

   A Igreja Internacional da Graça de Deus (IIGD) é uma igreja cristã evangélica neo pentecostal fundada por Romildo Ribeiro Soares (mais conhecido como Missionário R. R. Soares) em 1980, na cidade do Rio de Janeiro, estado homônimo. Presente em outros países, além do Brasil, possui mais de 5.000 templos em seu total. Sua sede se encontra em São Paulo. Sua nova sede já está sendo construída, terá capacidade para dez mil pessoas, ainda terá um grande prédio para estacionamento, vagas de estacionamentos para ônibus e micro ônibus; espaços para grandes festas e casamentos;


História 

   A decisão de Romildo Ribeiro Soares em se tornar um pastor evangélico se deu em 1968, após R. R. Soares ler o livro Curai Enfermos e Expulsai Demônios (T. L. Osborn, Graça Editorial). Foi através desta leitura, que despertou para o ministério evangelístico. No mesmo ano, conheceu Edir Macedo, que mais tarde veio a se tornar seu cunhado, na Igreja de Nova Vida. Em 1975, junto dele e dos irmãos Samuel e Fidélis Coutinho, fundou o Ministério Cruzada Para o Caminho Eterno. Pouco tempo depois, em companhia de Edir Macedo, funda a Igreja Universal do Reino de Deus, em 1977.

   Permaneceu na Universal até 1980, quando, no início, conduziu a liderança da igreja, que depois passou para Edir Macedo. Inconformado com o modo agressivo de sua administração, desentendimentos teológicos determinaram sua saída. Um conselho de 15 pastores decidiu quem assumiria a liderança. Foram três votos a favor de R. R. Soares e doze contra.

   R. R. Soares decidiu, então, fundar a Igreja Internacional da Graça de Deus. Três anos depois, em 9 de junho de 1980, na Rua Alfredo Dolabela Portela, 39, foi aberto o primeiro templo da denominação - uma sede temporária,[8] depois transferida para a Rua Lauro Neiva, no município de Duque de Caxias. Com o crescimento do ministério, a igreja se expandiu abrindo templos em todo o Brasil.



Expansão Internacional

   A Igreja Internacional da Graça de Deus iniciou seu ministério internacional no final de 2003 nos Estados Unidos, em uma pequena sala de hotel em Deerfield Beach, no estado da Flórida. Em 2005 um templo foi adquirido, e nos anos seguintes, outros foram inaugurados.

   Presente atualmente em outros países (maioria através do Programa Show da Fé), possui mais de 1.500 templos fora do Brasil. Na América do Sul, a IIGD está presente na Argentina, Peru, Uruguai,Paraguai e Chile. No velho continente, a igreja começou sua atuação em Portugal, Espanha, França e Inglaterra. Na América do Norte, além dos EUA, também se encontra no México. Na Ásia, a Igreja se instalou no Japão e posteriormente na Índia. Mais recentemente, no continente africano, houve a última implantação da igreja, na África do Sul.




Doutrinas

   As doutrinas da Igreja Internacional da Graça de Deus, unidas aos princípios fundamentais da Igreja Evangélica (Sola scriptura, Sola gratia, Sola fide, Solus Christus, e Soli Deo gloria) são semelhantes às de outras confissões evangélicas, em particular às de linha pentecostal. Crendo-se, fundamentalmente:
na existência de um só Deus, que se manifesta ao mesmo tempo na Trindade do Pai, Filho e Espírito Santo;
na segunda vinda de Cristo;
no Arrebatamento
na salvação pela fé em Cristo (Solus Christus);
na existência do céu (vida eterna) e do inferno (segunda morte);
na salvação pela fé (Sola fide);
na Bíblia como a escritura infalível, escrita por homens inspirados por Deus (Sola scriptura);
na Igreja como corpo do qual Cristo é a cabeça;
no batismo nas águas por imersão;
no Batismo pelo Espírito Santo;
nos Dons do Espírito Santo;
na Santa Ceia;
na libertação de pessoas oprimidas por espíritos malignos;
na devolução do dízimo e ofertas alçadas;
na prosperidade como uma das promessas de Deus;
na cura de todas doenças através do sacrifício de Cristo;
na remissão dos pecados (expiação) através do sacrifício de Cristo;
e no novo nascimento em Cristo.



Determinação

   Uma das principais doutrinas praticadas pela Igreja Internacional da Graça de Deus é a determinação, que se baseia no texto de João 14:13: “E tudo quanto pedirdes em meu nome, eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho”.

   Segundo a igreja, o verbo pedir, na língua grega (αἰτέω, ou aiteó), também tem o sentido de determinar, exigir ou mandar. Logo, deve-se determinar, ou seja, exigir aquilo que pertence aos filhos de Deus conforme Sua Palavra. Determinar, segundo R.R. Soares, não é exigir de Deus. "Não podemos exigir ou mandar que Deus faça isso ou aquilo, afinal nós somos Seus servos. Determinar não é ordenar ao Pai celeste, mas exigir que o diabo pare com sua atuação em nossas vidas. Pedir algo que Deus já concedeu, como a cura, por exemplo (Isaías 53:4-5), é algo desnecessário" (2Pedro 1:2).[14] R.R. Soares teve este entendimento após ler o livro O Nome de Jesus, de Kenneth Hagin (Graça Editorial), e um resfriado que já durava dois anos findou por ali. A doutrina da determinação baseia-se nas promessas bíblicas, não sendo possível determinar algo que não esteja em acordo com a vontade do Senhor (João 15:7).



Doutrinas não aceitas

   Algumas doutrinas e teologias relacionadas ao movimento neo pentecostal não são aplicadas pela Igreja Internacional da Graça de Deus. Apesar de ter seus ensinamentos relacionados à teologia da prosperidade, que afirma que a riqueza é uma prova concreta de fidelidade do cristão à Deus, a IIGD não aceita este conceito. Segundo Soares, a prosperidade é uma dádiva de Deus, mas isto não significa que todo o cristão que é rico é, obrigatoriamente, fiel a Deus (que é o que afirma esta teologia). Segundo Soares, a prosperidade de Deus seria a libertação da miséria, e não, necessariamente, sinônimo de ficar rico (Salmos 1:3; Marcos 8:36).

Dentre os já citados, as seguintes doutrinas e conceitos a seguir também não são aceitos ou aplicados pela IIGD; tais como:

a predestinação;
o sono da alma:
e o “cair no Espírito”.



Ministério Midiático

   A Igreja Internacional da Graça de Deus é conhecida pela sua presença maciça nos meios de comunicação, em especial nas redes de televisão. R.R. Soares já foi o homem com o maior tempo de exposição na TV aberta brasileira, alcançando 100 horas por semana de programação nas emissoras de alcance nacional. Desde 1997, a IIGD transmite seus programas em horário nobre. O Show da Fé, no ar desde 2003, é atualmente exibido das 20:28 às 21:20 pela Band e das 21:30 às 22:30 pela RedeTV!.



Televisão
 
   Além do aluguel dos canais de TV aberta a Igreja Internacional da Graça de Deus possui a RIT (Rede Internacional de Televisão), fundada em 1999, com conteúdo voltado para o público evangélico. Em 2007, foi lançada a Nossa TV, uma operadora de TV por assinatura com canais de conteúdo evangélico e variado



Rádio

   Desde 2002, a Igreja Internacional da Graça de Deus atua pela radiodifusão em sua emissora própria, a Nossa Rádio, que possui 18 retransmissoras em AM[desambiguação necessária] e FM espalhadas pelo Brasil. Em Setembro de 2011 a Nossa Rádio passou a transmitir sua programação para o estado da Flórida, nos Estados Unidos.



Cinema

   Com o intuito de difundir o evangelho de todas as maneiras possíveis, em 2010 R.R. Soares fundou a Graça Filmes, a princípio, uma distribuidora de filmes evangélicos. No ano seguinte, no entanto, entrou para a área de produção de longas, lançando seu primeiro filme em 2012, Três Histórias, Um Destino que rompeu uma barreira à fraca indústria cinematográfica brasileira de filmes evangélicos.

   Em Agosto de 2014, a Graça Filmes lançou no cinema brasileiro o filme, Deus Não Está Morto, sendo sucesso de bilheteria. No final de Novembro do mesmo ano, também é lançado nos cinemas de todo país, o filme Questão de Escolha, ficando também por mais de 2 semanas em cartaz. O filme Questão de Escolha, tem participação especial do Líder e Fundador da Igreja Internacional da Graça de Deus, Missionário R. R. Soares.



Demais Mídias

   Além das empresas já anteriormente citadas, a IIGD possui ainda uma gravadora, a Graça Music, fundada em 1999 e uma editora, a Graça Editorial. A editora, fundada em 1984, é quem produz os principais impressos da igreja, o Jornal Show da Fé (de tiragem de mais de 1 milhão de exemplares) e a Revista Graça/Show da Fé (que possui tiragem de cerca de 140 mil exemplares).



Educação

   A Igreja possui duas instituições educacionais, a Academia Teológica da Graça de Deus (AGRADE). e a Faculdade do Povo (FAPSP) A AGRADE, fundada em 1998, é uma instituição de ensino superior de Teologia, voltada principalmente para a formação do corpo de pastores da denominação.[9] A FAPSP, por sua vez, é uma faculdade de Comunicação Social, fundada em 2009. Alcançou nota 4 no Índice Geral de Cursos (IGC) do Ministério da Educação.