Total de visualizações de página

Jovem processa loteria por estresse após ganhar 3,8 milhões de reais



  Imagina a minha cara de espanto quando eu li uma matéria na revista Pequenas Empresas Grandes Negócios dizendo que a britânica Jane Parks, de 17 anos, ganhou 3,8 milhões de euros e estava processando a loteria européia porque o prêmio lhe causou estresse.

   Eu achei que era pegadinha…

   Se você ainda não acredita que isso aconteceu, coloca "Eu quero ver a matéria" nos comentários que o meu sistema vai te enviar o link dela no chat do seu Facebook.

   Mas antes continue lendo aqui porque tenho uma importante lição pra você retirada dessa história.

   O que leva uma pessoa a ficar infeliz porque ganhou muito dinheiro?

   Provavelmente é essa pergunta que você deve estar se fazendo…

   Sabe porque esse tipo de situação acontece?

   A maioria das pessoas não assume a responsabilidade pela vida que levam, sempre se encarando como vítimas do destino.

   Ao se comportar como vítima você se sente de mãos atadas para resolver os problemas que surgem na sua vida.

  Seja com pouco ou com muito dinheiro.

  Mas tem mais...

  O motivo desse comportamento surge lá na nossa infância. Quando você era apenas um bebê tudo se resolvia com um simples choro. Não importando qual era o problema.

   E assim, a sua mente subconsciente se acostumou a resolver os problemas chorando.

   Deixa eu te explicar melhor...

  Os adultos choram de forma diferente. Eles choram reclamando dos problemas e colocando a culpa nos outros...

   Governo, chefe, pais, economia, etc.

   Assim como a Jane colocou a culpa pela sua falta de propósito na loteria.

   A nossa mente subconsciente extremamente emocional acha que reclamando os problemas serão resolvidos como quando pequenos.

  Acontece que para resolver um problema na vida adulta você bem sabe que não adianta reclamar e culpar Deus e todo mundo.

  É preciso assumir as rédeas da situação como protagonista do seu destino e buscar soluções.

  Vamos ver um exemplo?

   Provavelmente você se sente insatisfeito com a vida que tem.

   Você queria viajar mais, curtir mais a sua família, ter mais tempo para sair com os amigos…

  Ou seja, ser dono da sua vida e ter LIBERDADE DE ESCOLHA.

  Concorda?

   Ai eu te pergunto: O que você tem feito para isso acontecer?

Recentemente eu liberei a Jornada da Liberdade, um série de aulas que são gratuitas e que mostram exatamente como você pode conseguir essas coisas que você tanto almeja.

O seu papel é só assistir a aula e responder embaixo a pergunta que eu faço no final.

A questão é: você vai continuar reclamando da sua vida esperando uma solução milagrosa ou vai assumir a sua responsabilidade e buscar alternativas?

A minha sugestão é que você comece a assumir a responsabilidade acompanhando a Jornada da Liberdade e aplicando o que eu ensino lá.

O que acha?

Coloca uma coisa na sua cabeça, todo mundo tem escolha e pode ter uma vida melhor.

Você pode simplesmente ignorar o caminho que eu estou te mostrando.

Ou, assim como o Gibran e mais de 1700 outros alunos, usar esse evento para aprender a mudar de vida e não trabalhar mais vendendo as suas horas.

Tudo na vida é uma questão de escolha.

O que você tem escolhido pra você?

Achar que você é vítima da situação e que não controla seu destino é o que te faz continuar odiando a sua vida, reclamando pelos cantos.

Mas existe sim liberdade de escolha, e a sua vida é reflexo das escolhas que você tem feito ao longo dos anos.

Para assistir ao primeiro vídeo é só clicar na imagem.

Não faça como a Jane Parks que teve uma grande oportunidade na vida e preferiu culpar os outros pela sua infelicidade.

Assuma o seu papel e escolha.

No final das contas é tudo uma questão das escolhas que você faz.

Atitude!
Fagner